Imigrantes a irem embora

Escrevi no meu Facebook, a propósito da notícia do Público: “Regresso de imigrantes está a deixar o país mais pobre e envelhecido”:
Os imigrantes não ficam num país que não lhes dê oportunidades de trabalho. Os fluxos migratórios regulam-se pela economia. Países em crise devem desenvolver estratégias de manter a atracção de pessoas e não as assustar e ameaçar com Directivas da Vergonha, quotas demagógicas e Pactos Sarkozy.
E já agora, se vai reconhecendo que os imigrantes estão a sair de Portugal.
Sem o “perigo” do “efeito-chamada” (há quem defenda isso) é hora de integrar os que ainda querem ficar cá. E regularizar quem está cá é o primeiro passo da integração. Regularizar para o acesso a direitos sociais, laborais e tirar as pessoas da clandestinidade e dos mercados informais, potenciando inclusive as suas (e das empresas) contribuições para a Segurança Social e pagamento de impostos – para quem precise de argumentos economicistas nestas questões.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s