a posteriori

[1 de junho]: os caiaques estavam em constança. e dali fomos: zezere, tejo e depois almourol. subiu-se ao castelo. e depois continuamos o percurso do rio. vale muito a pena. [24-27 de maio]: com um smart cabriolet de mudanças automáticas que deve ter sido comprado numa loja de brinquedos, misturou-se o sabor do bife de atum, da brisa e da coral com tentar tratar de conhecer os lugares. meios dias para o funchal, festas da sé e cerejas, outros dois para um e outro lado da ilha. e ainda tempo para se perder (se tal é possível numa ilha do tamanho da palma de uma mão) na serra e nas nuvens. [o restante] em lx – a cidade mais linda de todas – e ensaios understoodianos.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s