Escolha?

Clara. Clara como a água. Senti que a minha escolha finalmente era a acertada. Demorei dias a compreender a situação em que me encontrava. Nem sempre é possível perceber os desafios da forma mais equilibrada. Mas o certo é que houve um desbloqueio nas janelas da minha percepção, a porta foi destrancada.

Com isso, um furor de ideias rebentou, uma barragem explodiu, um mar invadiu toda uma paisagem estagnada. Aquele moinho ali ao fundo, deteriorado, foi vítima de uma ideia que fugiu, libertada. A força das ideias é imparável, implacável, especialmente quando sujeita à prisão injustificada. Não é possível reter tal energia enclausurada. Ela escorre, foge entre os dedos, altiva. Quando julgam que a vergaram, ela se reergue, absoluta. Toda a força é vacilante perante a orgulhosa gargalhada.

Não, a minha escolha nem existia. Parecia que existia. Mas ela já lá estava antes mesmo da pergunta, estava determinada. Antes de encontrar a questão, eu já vivia com a resposta. A resposta estava em meu sofá, em minha mesa-de-cabeceira. A escolha estava não só na lareira, ela já vinha no interior da lenha. A escolha, parecendo minha, não era eu que a fazia.

Felizmente era a correta. Era a sensata. Era a única. Era tão minha como não era. Mas era ela que era a minha. Agora que escrevo esta carta, tão confusa, percebo-a ainda de maneira mais acabada. A escolha não era certa nem errada.

Atrás do tridente da razão, o caminho não remete para qualquer culpa. Todo ele é um complexo de vastidão, uma vida incorporada. A interpretação assume versos como gestos e sempre a eterna responsabilidade marcada. Mas a razão sempre avisou, sempre alertou – a culpa é ela toda inventada. Por quem, fica em segredo – uma verdade escondida e ao mesmo tempo uma resposta larga.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s