A fazenda

Os pinheiros dominavam toda a área frontal da fazenda. Parecia uma casa de sonho. Os visitantes que chegavam diziam aos senhores: casa linda! Lugar fantástico! Mas eu lembro bem. Apesar da minha tenra idade, eu conseguia perceber que havia trabalhos mais duros do que outros e patrões com melhor ou pior índole. Havia muito que fazer ali – é verdade. Gado, plantações, tecelagem, olaria. E nós dávamos tudo o que tínhamos. Houve uma fase em que até conseguíamos ter gosto no que fazíamos. Como era possível? Acreditávamos que os senhores iriam premiar a nossa dedicação.

Isto foi até ao dia da crise – o dia em que o primo Vicente revoltou-se porque não lhe serviram nem um pingo de arroz na tigela. Ele tinha passado o dia carregando sacos enormes de arroz e pediu um punhado. O capataz avisou que só havia couve e que se ele pedisse aos senhores, o patrão traria o chicote de certeza. O Vicente indignou-se! Só queria uma colher de arroz! Neste dia vimos nosso dono pela primeira vez. A mão dele vinha adornada com um chicote, que ficou vermelho de sangue num instante. Vicente ficou estirado na terra, abandonado, e nós fomos obrigados a deixá-lo assim.

Nesta noite, minha mãe sentou-se junto de mim e abraçou-me, coisa que ela nunca fazia. Disse-me filha, estes brancos tratam-nos assim, mas na cidade falam que em breve tudo vai mudar. Vão aprovar uma lei que nos vai libertar, que vai definir que somos todos pessoas. O tempo desta gente má vai acabar. Daqui para a frente, a cada noite vou contar-te uma história sobre liberdade, para estares pronta para ela.

Adormeci, preocupada com Vicente, mas ansiosa para que a noite seguinte chegasse e minha mãe começasse a contar-me o que era ser livre.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s