2017

2017 chegou. Há imensas razões para ser-se pessimista, pensar que nada mudou. Afinal, é só uma data. Afinal, ainda pode ser pior. É uma questão de escolha. Apetece ser otimista depois de um ano tão mau – em termos coletivos, de mundo – como foi 2016. Nem que seja por algumas semanas.

Adeus 2016!

Viva maravilhoso 2017!